Jornada sobre os ‘Direitos Indígenas no Estado e no país’ será debatida em evento na Esma em abril

A Escola Superior da Magistratura (Esma) e a Academia de Letras, Ciências e Artes do Vale do Mamanguape (ALCA-VM) vão promover, no mês de abril, uma Jornada sobre os “Direitos Indígenas na Paraíba e no Brasil: desafios e perspectivas”. O evento será realizado na sede da instituição de ensino, em João Pessoa, no período da manhã e da tarde. A iniciativa é destinada as aldeias indígenas Potiguara da Região do Vale do Mamanguape e Tabajara da Região Sul do Estado, além do público em geral

 

Na última quarta-feira (5), uma reunião entre o diretor da Esma, desembargador Marcos Cavalcanti, e representantes da entidade debateram a respeito da programação, que consistirá em atividades com palestras, apresentações culturais e lançamentos de obras relacionadas à temática indígena.

 

O desembargador Marcos Cavalcanti ressaltou que a Jornada oferecerá aos participantes uma visão dos direitos indígenas, e os painéis terão a presença de nomes conceituados na área no Brasil e na Paraíba.

 

A reunião teve a participação de Cássio Ferreira Marques, Edna Calixto, Lusival Barcellos, Maria Alda da Silva, Leonardo de Sousa, Eliane de Farias, Maria do Socorro Aragão, Paulo Roberto Palhano e Erivaldo dos Santos, além da equipe administrativa da Esma, Paulo Romero (gerente Administrativos) e dos supervisores Rosa Virgínia e José Iran Filho.

 

Por Marcus Vinícius/Gecom-TJPB