Gestão do Tempo, Experiência e Cuidado de Si foi o tema de webinário promovido pela Esma e Gevid

Notícia
Gevid

A série de webinários sobre Saúde Mental e Trabalho no Poder Judiciário prevista para este ano foi aberta com o tema ‘Gestão do Tempo, Experiência e Cuidado de Si’.  A temática na manhã desta quarta-feira (27), de forma remota, foi ministrada pela professora Mariana Lins de Oliveira e teve como debatedora a psicóloga Maria da Penha Pontes.

O evento foi uma ação em parceria da Escola Superior da Magistratura (Esma) e da Gerência de Qualidade de Vida do Tribunal de Justiça da Paraíba (Gevid). Os participantes assistiram à transmissão pelo Zoom e também através do canal da instituição de ensino no YouTube (https://www.youtube.com/watch?v=vFre3mrW2lQ). 

A coordenadora pedagógica da Esma, Daiane Lins da Silva Firino, abriu o webinário agradecendo a participação dos 230 inscritos, entre magistrados e servidores, e da palestrante, bem como ressaltou que a temática é muito importante para os dias atuais. Ela enfatizou, ainda, que até o final de 2022 ocorrerão novos temas dentro do ciclo.

Também presente ao evento, a gerente da Gevid, Valéria Beltrão, afirmou que a instituição de ensino tem colaborado bastante quanto à questão da saúde mental dos servidores e magistrados do Judiciário estadual. “Este é um excelente tema”, ressaltou Valéria. Na ocasião, ela falou ainda de outras ações e suportes promovidos pela Gerência de Qualidade de Vida nas unidades judiciárias do Estado, em prol dos servidores e magistrados.

A psicóloga Penha Pontes, integrante do grupo de Saúde Mental da Gevid, questionou, na sua fala, se as pessoas estão aproveitando de forma correta a gestão do tempo ou se elas estão extrapolando nas suas atividades laborais diárias. “O tempo ele é irreversível, se ele passar não volta mais. Então é precisamos que a gente tenha essa consciência de unir a vida profissional e pessoal, principalmente cuidar de si”, disse.

Na sua explanação, a professora Mariana Lins abordou a questão do tempo na contemporaneidade e como os modos de vida acelerados tem dificultado a vivência de experiências verdadeiras, tanto no trabalho como no mundo da vida. A docente ainda refletiu sobre a noção do cuidado de si, a partir do pensamento de Michel Foucault, indicando a importância de cuidar de si para cuidar do outro e de poder pensar nas impossibilidades de construir outras formas de vida, menos objetificadas e com mais sentido.

“A temática deve colaborar para que todos possam repensar suas relações com o mundo do trabalho, bem como suas formas de sociabilidades e modos de vida”, frisou Mariana Lins.

Por fim, a palestrante parabenizou a Esma e a Gevid pela promoção do evento. “Vejo essa ação como um compromisso com os processos formativos de todos no âmbito do trabalho e na vida como um todo”, disse a professora.

Por Marcus Vinícius