Coordenadores acadêmicos e servidores da Esma participam de Jornada Pedagógica

No último dia 19, coordenadores acadêmicos e servidores da Escola Superior da Magistratura (Esma) participaram do primeiro ciclo da Jornada Pedagógica da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam). Em roda de conversa via Zoom, foram abordados dois temas: ‘EaD x Ensino Remoto x Ensino Híbrido – conceitos, similaridades e dificuludades’ e ‘Futuro da educação pós-pandemia e a experiência de metodologias ativas em ambiente 100% on-line’.

O evento contou com a participação de diretores, coordenadores pedagógicos, executivos e formadores da Escolas Judiciais e da Magistratura de todo o país. A professora Catarina de Almeida Santos, da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, abriu o ciclo falando sobre EaD x Ensino Remoto x Ensino Híbrido. Em seguida, foi a vez do convidado Gustavo Hoffmann, professor e diretor do Grupo A, que abordou a segunda temática.

Entre os objetivos da Jornada Pedagógicas estavam o compartilhamento de experiências e a troca de soluções que envolvem o trabalho de coordenação, a análise de cenários das escolas, o aprimoramento dos planejamentos das ações educacionais de 2021 e os macrodesafios para os próximos cinco anos.

O gerente Acadêmico e de Formação e Aperfeiçoamento de Servidores da Esma, professor Antônio Germano Ramalho, ressaltou que o encontro ampliou a importância que a educação precisa dar neste novo momento, onde o ensino sai do contato presencial, para o contato digital. “Seja pelo EaD ou remoto, nossas relações, professor/aluno/ensino, são atividades eminentes eletrônicas em se tratando de instrumentos meios”, falou o professor Germano.

No entanto, o gerente enfatizou que esses novos instrumentos meios obrigam a mudar a postura didática. “Desta forma, cada docente neste país precisa se reinventar. Quem não se adequar ao sistema terá imensa dificuldade de exercer a profissão”, disse Germano Ramalho, acrescentando que a Enfam inicia um processo de nova cultura nas atividades de ensino e aprendizagem e as Escolas de Ensino Superior Judiciária terão que se adequar as novas ferramentas. “A Esma está em fase de elaboração de projetos para atualizar todos os professores.”, concluiu.

Para a coordenadora acadêmica de Formação Inicial e Continuada de Magistrados, juíza Silmary Alves de Queiroga Vita, a Jornada Pedagógica trouxe informações sobre as formas de ensino, a distância e remoto, com reflexões sobre as vantagens e dificuldades de cada tipo. “Foram apresentadas novas formas de condução do processo ensino-aprendizagem, visando fomentar uma maior possibilidade de compreensão dos assuntos pelos alunos, a exemplo do que já ocorre nos Estados Unidos com metodologias como a sala de aula invertida, “just in time” e mudança nos layouts das salas de aula”, observou a magistrada.

A coordenadora ressaltou que, a partir dos conteúdos apresentados no evento, foram afloradas novas formas de melhor utilizarmos tanto o ensino a distância quando o remoto, para um maior engajamento dos alunos nos processos de aprendizagem, reformulando ainda mais os processos didáticos, como já vem fazendo a Enfam, desde quando instituiu as metodologias ativas em todos os cursos oferecidos

A pedagoga da Esma, Daiane Lins da Silva Firino, que também esteve remotamente no evento, avaliou como muito positiva a participação de agentes da Escola no ciclo pedagógico da Enfam, diante do contexto atual de pandemia e o desafio de trabalhos com cursos à distância na Esma, sejam eles na modalidade de EaD ou na forma de ensino remoto. 

“Compreendermos a problemática dessas formas de ensino e as metodologias e recursos que podemos utilizar para promover uma aprendizagem real e significativa ao nosso alunado, em ambientes virtuais, é de fundamental importância para o alcance da missão da nossa instituição.”, ressaltou Daiane.  

Ainda participaram do evento, os coordenadores acadêmicos, juízes Nilson Dias de Assis Neto e Thana Michelle Carneiro Rodrigues, a servidora Juliana Cardoso de Luna Lisboa e as estagiárias pedagógicas Miély Cordeiro de Souza Gonçalves e Andressa Soares de Oliveira.

2º Ciclo - O próximo evento ocorrerá no dia 13 de maio, das 10h às 12h, com o tema ‘Gestão Educacional: desafios e projeções no contexto das diferentes instituições educacionais públicas em tempos de pandemia’. Informações sobre o evento no site da Enfam (www.enfam.jus.br).

Por Marcus Vinícius/Gecom/TJPB